ARRIMOS ESPIRITUAIS

QUESTÕES DOUTRINÁRIAS - À LUZ DO ESPIRITISMO

(JORGE HESSEN)

Prefácio:

Na condição daquele outro Consolador Prometido pelo Cristo para a humanidade, o Espiritismo, sem dúvida, atingirá todas as consciências, até porque “são eternas as palavras de Jesus, porque são a verdade e constituem não só a salvaguarda da vida celeste, mas também o penhor da paz, da tranquilidade e da estabilidade nas coisas da vida terrestre”. (1) Todavia, “à frente das múltiplas interpretações que se lhe imprimem nos mais variados núcleos humanos, de que modo esperar o cumprimento da promessa do Cristo?” (2)

Nesse sentido, recordemos que o Codificador, indagando aos Benfeitores sobre assunto, obteve dos Espíritos a seguinte explicação: "Certamente que o Espiritismo se tornará crença geral e marcará nova era na história da Humanidade, porque está na natureza e chegou o tempo em que ocupará lugar entre os conhecimentos humanos. Terá, no entanto, que sustentar grandes lutas, mais contra o interesse do que contra a convicção, porquanto não há como dissimular a existência de pessoas interessadas em combatê-lo, umas por amor-próprio, outras por causas inteiramente materiais. Porém, como virão a ficar insulados, seus contraditores se sentirão forçados a pensar como os demais, sob pena de se tornarem ridículos". (3)

Em face dessa realidade, “certifiquemo-nos, pois, de que, na difusão dos princípios espíritas, estamos todos em luta do bem para a extinção do mal e de que ninguém alcançará a suspirada vitória sem a vontade de aprender e a disposição de trabalhar”. (4)

São Paulo, 04 de abril de 2012

Irmãos W. e Jorge Hessen

Referências bibliográficas:

(1) Kardec, Allan. O Evangelho Segundo O Espiritismo, Rio de Janeiro: Editora FEB, 2000, Cap. XVIII, itens 8 e 9

(2) Xavier, Francisco Cândido, Vieira Waldo. Entre irmãos de outras terras, Rio de Janeiro: Editora Feb, 1966

(3) Kardec, Allan. O Livro dos Espíritos, Rio de Janeiro: Editora FEB, 2004, perg. 789

(4)Xavier, Francisco Cândido, Vieira Waldo. Entre irmãos de outras terras, Rio de Janeiro: Editora Feb, 1966.

Ver a Publicação na Revista Espiritismo & Ciência Nº 108 - O Espírito, Origem da Consciência

"Tudo se encadeia no Espiritismo, e, quando se toma o conjunto, vê-se que seus princípios emanam uns dos outros, servindo-se mutuamente de apoio; e, então, o que parecia uma anomalia, contrária à justiça e à sabedoria de Deus, se torna natural e vem confirmar essa justiça e essa sabedoria. Tal é o problema do esquecimento do passado, que se prende a outras questões de não menor importância e, por isso, não farei aqui senão tocar levemente o assunto.

Se em cada uma de suas existências um véu esconde o passado do Espírito, com isso nada perde ele das suas aquisições, apenas esquece o modo por que as conquistou."

Allan Kardec "O Que é o Espiritismo"

 

RELAÇÕES DE OBRAS PARA DOWNLOAD

 

 Jorge Hessen - Arrimos Espirituais (QUESTÕES DOUTRINÁRIAS - À LUZ DO ESPIRITISMO) PDF

 

Jorge Hessen - Arrimos Espirituais (QUESTÕES DOUTRINÁRIAS - À LUZ DO ESPIRITISMO) DOC